Regressar à lista

CAIXA DE VELOCIDADES AUTOMÁTICA

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Alavanca de selecção 1

P: estacionamento

R: marcha atrás

N: ponto-morto

D: andamento para a frente automático (modo automático)

M: manual

+: engrenar a relação superior

-: engrenar a relação inferior

A mudança atualmente engatada é apresentada no quadro de instrumentos A.

Nota: Prima o botão 2 para passar da posição D ou N para R ou P.

Arranque do motor

Com a alavanca de selecção 1 na posição P, ligue a ignição.

Para sair da posição P, é imperativo que carregue no pedal de travão antes de premir o botão de destravamento 2.

Prima o pedal de travão (o indicador Ó no visor apaga-se) e retire a alavanca da posição P.

A engrenagem da alavanca na posição D ou R só deve ser feita com o veículo parado, o pé no travão e o pedal do acelerador levantado.

Condução em modo automático

Engrene a alavanca 1 na posição D.

Na maioria das condições de circulação, não terá que tocar mais na alavanca: as mudanças de relação ocorrerão sozinhas, na devida altura e no regime conveniente do motor, porque o «automatismo» tem em conta a carga do veículo, o perfil da estrada e o estilo de condução escolhido.

Condução económica

Em estrada, deixe sempre a alavanca na posição D porque, desta forma, se mantiver o pedal do acelerador pouco premido, as mudanças de relação ocorrerão automaticamente num regime de motor mais baixo.

Acelerações e ultrapassagens

Prima a fundo o pedal do acelerador (até ultrapassar o ponto duro do pedal).

Isso provocará, na medida das possibilidades do motor, uma redução para a relação de caixa mais adequada às circunstâncias.

Condução em modo manual

Com a alavanca seletora na posição D, empurre-a para a direita até à posição M. Impulsos sucessivos na alavanca permitem efetuar as mudanças de velocidade manualmente:

- para baixar a relação, impulsione a alavanca para a frente;

- para subir a relação, impulsione a alavanca para trás.

A relação de caixa seleccionada afixa-se no visor do quadro de instrumentos.

Casos particulares

Em determinadas condições de condução (originando, por exemplo, a proteção do motor, o funcionamento do sistema de controlo eletrónico de estabilidade: ESC, etc.), o sistema automatizado poderá mudar automaticamente de relação. Da mesma forma, para evitar «manobras erradas», a passagem a determinada relação pode ser recusada pelo «automatismo”; neste caso, a afixação pisca durante alguns segundos para o avisar desse facto.

Situações excepcionais

- Se o tipo de piso ou as condições climáticas (subidas acentuadas, descidas acentuadas, neve, areia ou lama profundas) dificultarem a permanência no modo automático, consoante o veículo, será aconselhável passar para o modo manual utilizando as patilhas. Esta ação permite evitar as frequentes mudanças de velocidades impostas pelo «automatismo» e obter uma boa travagem-motor em caso de descida acentuada.

- Com tempo muito frio, para evitar que o motor pare, aguarde alguns instantes antes de sair da posição P ou N e de engrenar a alavanca em D ou R

Na subida, para permanecer parado, não deixe o pé no acelerador.

Risco de sobreaquecimento da caixa de velocidades automática.

Paragem do veículo

Quando o veículo estiver imobilizado, mantenha o pé no pedal de travão e coloque a alavanca na posição P: a caixa de velocidades fica em ponto-morto e as rodas motrizes são travadas mecanicamente pela transmissão.

Acione o travão de mão ou, nas versões assim equipadas, assegure-se de que o travão de mão automático está ativado.

Em caso de colisão na parte inferior do veículo durante uma manobra (por exemplo, contacto com um pilarete, um passeio mais elevado ou qualquer outro mobiliário urbano) pode danificar o veículo (por exemplo, deformação de um eixo).

Para evitar o risco de acidente, mande verificar o seu veículo num representante da marca.

Periodicidade de manutenção

Consulte o documento de manutenção do seu veículo ou consulte um representante da marca para verificar se a caixa de velocidades automática necessita de uma manutenção periódica.

Se não necessitar de manutenção, não será necessário repor o óleo ao nível.

Por segurança, nunca desligue a ignição antes do veículo estar completamente parado.

Modo carga

Quando o veículo circula com carga, prima o interruptor 3 no quadro de instrumentos. O testemunho Perfo acender-se-á no quadro de instrumentos.

Sempre que o motor para, o modo de carga desativa-se. É necessário voltar a selecioná-lo.

O modo “carga” pode ser utilizado tanto no modo automático como no modo manual.

Anomalia de funcionamento

- Em andamento, se a mensagem “Mandar verificar cx. velocidades” aparecer no quadro de instrumentos, indica uma falha.

Consulte um representante da marca, logo que possível.

- Em andamento, se a mensagem “Sobreaquecimento cx. velocidades” for apresentada no quadro de instrumentos, pare assim que possível para permitir que a caixa de velocidades arrefeça e aguarde até que a mensagem desapareça.

- Desempanagem de um veículo com caixa de velocidades automática REBOQUE: desempanagem.

Ao arrancar, se a alavanca estiver bloqueada em P ao carregar no pedal do travão (por exemplo, devido a falha da bateria), será possível libertar a alavanca para desbloquear as rodas motrizes. Para tal, desencaixe a base do fole e prima o botão 4, premindo simultaneamente o botão 2 na alavanca para a desbloquear, e coloque a transmissão na posição N.

Consulte, logo que possível, um representante da marca.