ARRANQUE E PARAGEM DO MOTOR: veículo com cartão

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

O cartão deve estar na zona de deteção 1.

Para arrancar:

- veículos com caixa de velocidades automática, na posição P, carregue no pedal de travão, prima o botão 2 e, em seguida, solte o pedal de travão assim que o motor for ligado;

- veículos com caixa de velocidades manual, carregue no pedal de travão e prima o botão 2 e, em seguida, solte o pedal de travão assim que o motor for ligado. Se existir uma relação engrenada, carregue igualmente no pedal de embraiagem.

Particularidades

- Se alguma das condições de arranque não for respeitada, a mensagem “Carregar travão + START” ou “Desengatar + START” ou “Coloc. cx.veloc. em P” será apresentada no quadro de instrumentos;

- em alguns casos, será necessário manobrar o volante premindo o botão de arranque 2 para auxiliar o desbloqueamento da coluna de direção; a mensagem «Rodar volante + START» avisa o condutor neste sentido.

Nota: nos veículos com caixa de velocidades de comando manual, em caso de paragem involuntária do motor, a mensagem “Desengatar” será apresentada no quadro de instrumentos. Carregue no pedal da embraiagem a fundo para voltar a ligar o motor.

Responsabilidade do condutor durante o estacionamento ou paragem do veículo

Nunca abandone o veículo com crianças, adultos não autónomos ou animais lá dentro, ainda que seja por pouco tempo.

Ao fazê-lo, poderá colocar-se em perigo a si ou a outras pessoas, por exemplo, se for ligado o motor ou equipamentos (como é o caso dos elevadores de vidros) ou ainda o sistema de bloqueio das portas.

Além disso, com tempo quente e/ou com sol, a temperatura no interior do habitáculo aumenta muito rapidamente.

PERIGO DE MORTE OU FERIMENTOS GRAVES.

Versão GPL

O motor é sempre ligado através da utilização de gasolina.

Rode a chave para a posição “Start” sem carregar no pedal de acelerador.

O sistema determina automaticamente a passagem de gasolina para GPL.

Consoante o veículo, em determinadas condições de utilização (por exemplo, forte aceleração), o sistema poderá optar por regressar temporariamente ao modo de gasolina.

Se as condições ambientais voltarem a ser adequadas, o sistema poderá autorizar novamente o modo GPL.

Para mais informações PARTICULARIDADES DAS VERSÕES GPL.

A temperaturas perto de 0 °C ou inferiores, é aconselhável utilizar o modo ECO de forma a maximizar a utilização do modo GPL CONSELHOS DE CONDUÇÃO, CONDUÇÃO ECO.

Não estacione, nem ligue o motor em locais onde substâncias ou matérias combustíveis, tais como ervas ou folhas secas, possam entrar em contacto com o sistema de escape quente.

Nunca desligue a ignição antes de o veículo estar completamente parado. Após a paragem do motor, o servofreio, a direção assistida, etc. e os dispositivos de segurança passiva, como, por exemplo, os airbags e os pré-tensores, deixarão de funcionar.

Responsabilidade do condutor durante o estacionamento ou paragem do veículo

Nunca abandone o veículo com crianças, adultos não autónomos ou animais lá dentro, ainda que seja por pouco tempo. Com efeito, poderiam pôr-se em perigo a si próprias e a outras pessoas, acionando, por exemplo, o motor ou os equipamentos (como é o caso dos elevadores de vidros) ou ainda o sistema de trancamento das portas... Além disso, com tempo quente e/ou com sol, a temperatura no interior do habitáculo aumenta muito rapidamente. PERIGO DE MORTE OU FERIMENTOS GRAVES.

Arranque «mãos-livres» com o porta-bagagens aberto

Neste caso, o cartão não deve estar no porta-bagagens, de modo a evitar o risco de perda.

Função «acessórios»

(ignição ligada)

Logo que o veículo é destrancado, ficam disponíveis algumas funcionalidades (rádio, sistema de navegação, limpa-vidros...).

Para utilizar as restantes funcionalidades, com o cartão no habitáculo, prima o botão 2 sem carregar nos pedais.

Anomalia de funcionamento

Em algumas situações, o cartão mãos livres poderá não funcionar:

- pilha do cartão gasta, etc.;

- se o veículo estiver nas proximidades de instalações ou de aparelhos que utilizem a mesma frequência do cartão (telemóvel, jogos de vídeo…);

- o veículo encontra-se numa zona de fortes radiações electromagnéticas.

A mensagem “Coloq. cartão na zone + START” é apresentada no quadro de instrumentos.

Carregue no pedal do travão ou da embraiagem e, em seguida, coloque o cartão 5 (lado do botão) na zona de colocação 4. Prima o botão 2 para ligar o veículo. A mensagem apaga-se.

Condições de paragem do motor

Em veículos com caixa de velocidades automática, o veículo deve estar imobilizado, com a alavanca na posição P.

Com o cartão no veículo, prima o botão 2: o motor imobiliza-se. A abertura de uma porta ou o trancamento do veículo provocam o bloqueio da coluna de direção.

Se o cartão já não estiver no interior do habitáculo ou se a pilha do cartão estiver descarregada, quando o veículo estiver parado e tentar desligar o motor, a mensagem “Cartão ausente press.long.START” será apresentada no quadro de instrumentos: prima o botão 2 durante mais de três segundos.

Se o cartão já não estiver no habitáculo, certifique-se de que consegue recuperá-lo antes de proceder a uma pressão longa. Sem o cartão, não será possível ligar novamente o veículo.

Com o motor parado, os acessórios (rádio...) que nesse momento estejam a ser utilizados continuam a funcionar durante cerca de 10 minutos.

Ao abrir a porta do condutor, os acessórios deixam de funcionar.

Nunca desligue a ignição antes de o veículo estar completamente parado. A paragem do motor provoca a supressão dos sistemas de assistência. Após a paragem do motor, o servofreio, a direção assistida, ... e os dispositivos de segurança passiva como, por exemplo, os airbags e os pré-tensores, deixarão de funcionar.

Ao sair do veículo, sobretudo se tiver o cartão consigo, verifique se o motor está realmente desligado.

Responsabilidade do condutor durante o estacionamento ou paragem do veículo

Nunca abandone o veículo com crianças, adultos não autónomos ou animais lá dentro, ainda que seja por pouco tempo.

Ao fazê-lo, poderá colocar-se em perigo a si ou a outras pessoas, por exemplo, se for ligado o motor ou equipamentos (como é o caso dos elevadores de vidros) ou ainda o sistema de bloqueio das portas.

Além disso, com tempo quente e/ou com sol, a temperatura no interior do habitáculo aumenta muito rapidamente.

PERIGO DE MORTE OU FERIMENTOS GRAVES.

Arranque do motor à distância

Esta função permite o arranque remoto do motor.

Inicialização

Se este equipamento estiver presente no veículo, prima o botão de destrancamento 7 e, em seguida, prima duas vezes sucessivas o botão de arranque à distância durante cerca de 2 segundos de cada vez 6. O tempo entre as duas pressões deve ser inferior a 5 segundos. O sinal de perigo acender-se-á de forma contínua durante 3 segundos para confirmar a reposição do sistema.

Nota: após a ativação da função, esta não pode ser desativada.

Aconselhamo-lo a contactar um Representante da marca.

Funcionamento

Para ligar o motor à distância, prima o botão de trancamento 8 e, em seguida, no prazo de 2 segundos, prima o botão de arranque à distância 6 durante aproximadamente 2 segundos. O sinal de perigo acende-se de forma contínua durante aproximadamente 3 segundos e o motor arranca.

O motor trabalhará durante 5 minutos. Assim que o motor estiver a trabalhar, será possível adicionar mais 5 minutos premindo novamente o botão de trancamento 8 e, em seguida, premindo o botão de arranque à distância 6. O sinal de perigo acende-se de forma contínua durante 3 segundos para confirmar que a função foi prolongada.

Esta função permite igualmente programar o arranque do motor, de modo a aquecer ou ventilar o habitáculo até 24 horas antes da utilização do veículo.

Consoante o veículo, a configuração e a programação são realizadas através do visor multimédia 9; para mais informações, consulte as instruções do sistema multimédia.

O desempenho do arranque remoto do motor varia consoante as condições, como, por exemplo:

- Obstáculos, edifícios, paredes, outros veículos, etc.;

- Interferência de radiofrequência (televisão, rádio, telemóvel, outros telecomandos, etc.);

- Estado da pilha da chave/cartão.

O arranque do motor à distância funciona se:

- a caixa de velocidades estiver na posição P ou N em veículos com caixa de velocidades automática;

- a ignição foi ligada;

- o capô estiver fechado;

- todos os abríveis (portas e porta-bagagens) estão fechados e trancados ao sair do veículo;

- em condições climatéricas extremas, o arranque remoto do motor através da programação poderá não funcionar.

Se alguma das condições de arranque não for cumprida, as luzes piscarão durante aproximadamente 3 segundos.

Caso a função seja utilizada, certifique-se de que os dispositivos consumidores (como, por exemplo, os limpa-vidros, as luzes exteriores, os bancos aquecidos, o volante aquecido, etc.) estão desativados e que todos os acessórios estão desligados antes de sair do veículo.

Risco de incêndio.

Não utilize a função de arranque remoto do motor ou a respetiva programação se:

- o veículo estiver numa garagem ou num espaço fechado.

Risco de intoxicação ou de asfixia por emissão dos gases de escape.

- se o veículo estiver protegido com uma capa de proteção.

Risco de incêndio.

- se o capô estiver aberto ou antes de ser aberto.

Risco de queimaduras ou ferimentos graves.

Consoante o país, a função de arranque remoto ou a respetiva programação poderão ser proibidas por lei e/ou pela regulamentação em vigor.

Antes de utilizar esta função, verifique a legislação e/ou a regulamentação nacional em vigor.